A nutri explica: por que consumir vitaminas e minerais diariamente?

As vitaminas e minerais desempenham diversas funções no desenvolvimento e no metabolismo do organismo. No entanto, não são usadas nem como energia, nem como material de reposição celular. Funcionam como aditivos – são indispensáveis ao mecanismo de produção de energia e outros, mas em quantidades pequenas. A falta deles, porém, pode causar várias doenças, como o raquitismo (enfraquecimento dos ossos pela falta da vitamina D) ou o escorbuto (falta de vitamina C). A falta de vitamina C já matou muitos marinheiros que realizaram viagens longas comendo apenas pães e conservas e em péssimas condições de saúde e hidratação. Igualmente importantes, a carência de minerais pode causar doenças como desidratação, anemia, alterações ósseas, alterações musculares e do sistema nervoso, entre outras.

[su_youtube url=”https://youtu.be/IAgbGYiJyjk” width=”860″]

Ref bibliográficas

  1. COZZOLINO, S.M.F. Biodisponibilidade de Nutrientes. . Barueri: Manole,p.1371-94, 2016.
  2. RUSSELL, R.M. The aging process as a modifier of metabolism. Am J. Clin. Nutr., v.72, p529s-32s, 2000.
  3. MERTZ, W. Trace elements in elderly. Nutrition, v.12, p.549-57, 1996.
  4. FAVIER, A. Relevance of trace element supplements in women of different ages. In: Therapeutic uses of trace elements. Nova York: Plenum Press, p. 83-91, 1996.
  5. MARTINS, P.C.R. Avaliação Nutricional de longevos. Porto Alegre, 2014. Dissertação (Mestrado). Pontifícia Univ Catolica do Rio Grande do Sul.
  6. NOVAES, M.R.C.G. et al. Suplementação de micronutrientes na senescencia: implicações nos mecanismos imunologicos. Rev. Nutr, v.18, n.3, 2005.
  7. GOULARTE, F.H., et al. Deficiência de ácido fólico e vitamina B12 em idosos: uma revisão.Rev. Amazonense de Geriatria e Gerontologia, n.1, p.53-62, 2013.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *